PROJETO TODOS IGUAIS TODOS DIFERENTES

PROJETO TODOS IGUAIS, TODOS DIFERENTES.

DATA: Durante o ano

Turma: II Período

Professora:

JUSTIFICATIVA: As crianças não são naturalmente preconceituosas. Elas aprendem a ser com os adultos.

Aproveitando essa fase essencial da vida de todo ser humano, a infância, procuraremos valorizar sentimentos e valores positivos que esses pequenos e especiais seres trazem em si.

A questão fundamental, quem sou eu? Deve fazer parte do currículo desde a mais tenra idade, pois se reconhecer como ser humano, possuidor de um corpo, mente e espírito, com uma capacidade ilimitada é um direito de todos. A sua identidade como um cidadão com deveres, aprendendo a relacionar-se primeiramente consigo mesmo, depois estendendo estes laços até a sua família, para futuramente relacionar-se com toda a criação.

Compreender que as pessoas são seres humanos tem vida e fazem parte de um contexto, e que possuímos diferenças e semelhanças, e também que passamos, no decorrer da nossa vida por diferentes etapas. É fundamental reconhecermos cada uma dessas etapas, como lidar com elas, respeitando e valorizando as diferenças que encontramos em outros seres.

A construção da escrita do nome, na Educação Infantil, é vista como um grande caminho a ser percorrido pela criança.

O nome próprio de uma criança é seu marco de identificação e, por isso, é tão valorizado por ela. É por esse motivo que o trabalho com o nome próprio gera uma relação de identidade da criança com a escrita.

É fundamental, para a construção da escrita do nome que a criança saiba que desenhar é diferente de escrever. A partir desta diferenciação que a criança começa a se dar conta de que precisa algo mais do que um desenho para poder escrever o seu nome.

O objetivo maior do trabalho com a escrita do nome na Educação Infantil é fazer com que a criança se reconheça como sujeito importante que possui um nome que é só seu, além de propiciar a aprendizagem da escrita.

É importante que os alunos adquiram e aproveitem todas as oportunidades para valorizar a vida, a saúde, a higiene, o meio onde vivem e todas as pessoas relacionadas à sua vida.

OBJETIVOS:

· Construir sua identidade a partir das relações sócio-histórico-culturais, de forma autêntica, consciente e contextualizada;

· Relacionar-se de maneira afetuosa com os colegas e professores;

· Respeitar as diferenças existentes entre as pessoas;

· Perceber e compreender que cada pessoa é única são diferentes das outras.

· Administrar suas emoções;

· Se auto-conhecer;

· Familiarizar-se com o ambiente escolar;

· Desenvolver o sentimento de amizade e coleguismo;

· Desenvolver a coordenação motora ampla e fina.

· Ampliar a capacidade de jogar simbolicamente;

· Reconhecer seu nome escrito e o dos colegas.

· Classificar e seriar objetos;

· Seqüenciar numericamente através do calendário.

· Obter noção de quantidade;

· Favorecer a socialização;

· Favorecer o conhecimento lógico-matemático.

· Conhecer a história de seu nome.

· Conhecer a origem de cada família, oportunizando a valorização da mesma.

· Identificar os componentes que formam a família.

· Reconhecer a casa como local de abrigo e proteção da família.

· Distinguir diferentes tipos de moradias.

· Desenvolver a atenção para futura identificação das partes do corpo e órgão dos sentidos.

· Estimular a higiene pessoal.

· Ouvir textos, poesias, histórias, rimas, parlendas, adivinhações, trava-línguas e músicas alusivas aos temas.

· Dramatizar com teatrinhos de fantoches.

· Identificar e escrever as letrinhas: O – N – L -.

CONTEÚDOS:

1) Linguagem Oral e Escrita:

· Hora da rodinha

· Técnicas variadas de chamadas (exploração do nome);

· Conversação e exercícios rítmicos (bingo, letras, etc.);

· Atividades com o nome;

· Saco surpresa: curiosidades e exploração dos cinco sentidos;

· Textos, poesias, histórias, parlendas, rimas, adivinhações, trava-línguas, músicas e dramatizações com fantoches;

· Calendário;

· Letras: O - N- L.

2) Artes Visuais:

· Recorte e colagem;

· Pinturas com tintas variadas;

· Desenhos livres;

· Massinha de modelar.

3) Matemática:

· Jogos, estabelecimento de regras;

· Classificação e seriação;

· Comparação: tamanho maior e menor, alto e baixo;

· Seqüência lógica;

· Noção de quantidade;

· Noção temporal e espacial.

4)Natureza e Sociedade:

· Desenvolvimento da consciência com a finalidade de, em conjunto, pensar, trocar idéias, desafiar, planejar, criar, imaginar, realizar e avaliar;

· Reconhecimento da importância das regras ou combinados para uma boa convivência;

· Construção da autonomia.

5) Ciências:

· Esquema corporal;

· Órgãos dos sentidos;

· Higiene corporal.

6) Música e Movimento:

· Boneca de lata;

· Cabeça, ombro, joelho e pé;

· Trula Birula;

· Eu conheço um jacaré

· Rua dos Bobos;

· A família

· Os sentidos;

· Dramatizações;

· Dança;

· Brincadeira;

· Você é especial;

· Moradia (música do canal Futura);

· Se eu fosse (moradia s dos bichos), e outros.


O projeto será organizado da seguinte forma:

1) Subprojeto: “Construindo a Identidade” – Quem sou eu e a escrita do nome.

2) Subprojeto: “Meu doce Lar” – Família e Moradia.

3)Subprojeto: “De corpo inteiro” - Corpo e Órgãos.

4)Subprojeto: “Saúde é o que interessa, o resto a gente corre atrás” – Higiene e Saúde.


Primeira Semana do Projeto

Subprojeto: CONSTRUINDO A IDENTIDADE

Introduzir o tema fazendo a dinâmica abaixo:

Dinâmica das Cores: levar um aparelho de som para a classe e colocar uma música suave. Espalhar vários lápis ou gizes de cera de várias cores sobre a mesa e peça para que as crianças escolham a cor que mais lhes agrada. Haverá cores iguais e cores diferentes. Conversar com elas sobre como seria o mundo se tudo fosse de uma só cor... azul, por exemplo; e se tudo fosse amarelo? Ou vermelho? Será que elas comeriam uma banana azul? Ou um morango cinza? Sim? Não? Por quê? Você pode perguntar se é bom haver cores diferentes e por quê. Depois, peça que olhem uns para os outros. Assim como as cores, cada um é diferente. Muitas coisas variam: cor e tipo de cabelo, formato e cor dos olhos, tamanho do nariz, altura, cor da pele... .

Sugestões de Atividades Práticas

1) História do Nome: conhecer a origem do nome.

2) Fichário: conhecer a escrita do seu nome.

3) Letras móveis: conhecer as letras e escrever seu nome através de uma brincadeira.

4) Bingo: conhecer as letras que compõem a escrita de seu nome através do jogo.

5) Atividades: reconhecer e escrever o nome.

6) Composição.

7) Histórias: “Esqueci o Nome” e” O Caldeirão da Bruxa Salomé”.

8) Rimas com o nome.

9) Chamada - confecção de painel para representar o número de meninas e meninos na sala (gráfico diário).

10) Recortar as letras do seu nome.

11) Espalhar fichas com nome e achar o seu.

12) Joguinho das Letras – com a ajuda da ficha, forme seu nome.

13) Textos diversos.

14) Separar as fichas:

· Meninos/meninas (contar)

· Nomes com a mesma letra

· Nomes que rimem

· Mesmo número de letras.


Segunda Semana do Projeto

Meu Doce Lar: FAMÍLIA E MORADIA

Sugestões de Atividades Práticas

1) Confecção de um livrinho da família.

2) Desenhar sua casa.

3) Saber o nome dos pais e irmãos.

4) Saber a profissão dos pais.

5) Visualização de diferentes tipos de moradia.

6) Os cômodos da casa.

7) Relacionamentos (cenas em família), trabalhados com fantoches.

8) Relatos orais para a elaboração e organização de idéias.

9) Textos impressos.

10) Canções alusivas à família e a moradia.

11) Pesquisar:

· Quem da nossa turma tem família mais numerosa?

· Quantas pessoas moram em minha casa?

· Quais os trabalhos que devem ser realizados em minha casa?


Terceira Semana do Projeto

De Corpo Inteiro: CORPO E ÓRGÃOS

Sugestões de Atividades Práticas

1) Educação Física, usando a história de “Catarina e o Urso Preguiçoso”, trabalhando aspectos psicomotores, como locomoção, equilíbrio e noções de lateralidade.

2) Ginástica orientada com músicas.

3) Explorar a altura de cada um com um barbante e fazer comparações.

4) Desenho do corpo em um papel para brincar e explorar.

5) Nomeação e classificação das partes do corpo.

6) Montar um quebra-cabeça do corpo.

7) Brincar com o corpo e os sentidos.

8) Visão: mostrar figuras grandes, médias, pequenas, coloridas, preta e branca, mostrar de longe e de perto, sempre perguntando o que estão vendo e como. Provocar os alunos para que percebam a importância dos olhos e da visão. E repetir a pergunta: Para que servem nossos olhos?

9) Audição: brincar de identificar sons, barulhos em geral. Falar baixinho, falar alto, propor que sussurrem, gritem e que fiquem em silêncio. Através das brincadeiras, provocar para que percebam a importância dos ouvidos e da audição. E repetir a pergunta: Para que servem nossos ouvidos?

10) Olfato: brincar de distinguir diferentes cheiros de olhos vendados. Dizer os cheiros que agradam e desagradam. Provocar para que percebam a importância de nosso nariz, de nosso olfato.

11) Paladar: brincar de provar diferentes tipos de alimentos de olhos vendados, provocando-os até perceberem a importância da língua, de nosso paladar.

12) Tato: brincar de sentir diferentes texturas (algodão, lixa, esponja, gelo, água fria e quente), provocando-os até perceberem a importância da pele, de nosso tato.


Quarta Semana do Projeto

Saúde é o que interessa, o resto a gente corre atrás: HIGIENE E SAÚDE

Sugestões de Atividades Práticas

1) Realizar na sala de aula a “Feira do Banho” trazendo objetos envolvidos na higiene corporal.

2) Utilizar cartazes para mostrar hábitos de vestuários do Brasil e de outros países sob as mais diferentes condições climáticas.

3) Destacar a necessidade de usarem roupas sempre limpas e de ter um lugar para guardar as roupas sujas.

4) Mostrar a necessidade de andar calçado.

5) Discutir sobre a importância da higiene bucal.

6) Entender que o uso do fia dental, associado à escovação correta dos dentes, permite o desenvolvimento ideal da dentição. Usar fantoche do Bocão.

7) Textos, poesias e adivinhas.

8) Dramatizar hábitos de higiene.

9) Histórias.

10) Músicas.

AVALIAÇÃO: Observar o comportamento do educando:

· Hábitos de trabalhos;

· Relacionamento com amigos e professora;

· Capacidade de cooperação;

· Participação e desempenho dos alunos na realização das tarefas escolares.

Videos mais exibidos no Youtube

Loading...

REGISTRE-SE NO BLOG !

INSCREVA-SE PARA RECEBER AS NOVIDADES DO BLOG